Tuesday, July 22, 2008

O Decálogo de Lênin

Há algum tempo atrás recebi uma mensagem de algum pretenso intelectual se dizendo a "voz das esquerdas", que transformei em um texto bem humorado e realista sobre Os 10 Passos para a Cura do Esquerdismo - (se você não leu, leia agora!) . Agora que estamos perto de mais uma eleição (essa enganação que dá emprego à bandido) resolvi postar a mensagem original para que vocês vejam como isso ainda está presente nos dias de hoje (!). É sobre os 10 mandamentos da Ideologia Socialista, escrita em 1913 e atribuída ao lider revolucionário russo Vladimir Lênin, pai do comunismo. Não sei quantos de vocês conhecem isso, mas vale a pena ler.

Notem - como fica aqui bem observado -, que qualquer semelhança com populistas ditadores como Hugo Chávez, Fidel Castro, Evo Moralez, Uribe, etc e com contecimentos atuais e recentes, quase 100 anos depois , não é mera coincidência:


1- Corrompa a juventude , de-lhe a liberdade sexual:

2- Infiltre e controle depois todos os meios de comunicação:

3- Divida a população em grupos antagônicos, incitando-os a discussôes sobre assuntos sociais;

4- Destrua a confiança do povo em seus líderes,

5- Fale sempre em democracia e Estado de Direito, mas, tão logo haja oportunidade, assuma o poder sem qualquer escrúpulo;

6- Colabore com o esbanjamento do dinheiro público, coloque em descrédito a imagem do pa�ís, especialmente no exterior, provoque o pânico e o desassossego na população por meio de inflação;

7- Promova greves, mesmo ilegais, nas indústrrias vitais do país;

8- Promova distúrbios e contribua para que as autoridades constituídas não as coíbam;

9- Colabore para a derrocada dos valores morais, da honestidade e da crença nas promessas dos governantes;

10- Procure catalogar todos aqueles que tem armas de fogo, para que sejam confiscadas no momento oportuno, tornando impossível qualquer resistência.


O mais assustador de tudo isso é que a maioria das pessoas, principalmente os adolescentes de classe média e as menos esclarecidas, vêem toda essa aberração apenas sob o aspecto financeiro, não percebendo que o principal objetivo é um elaborado plano fascista e genocida que visa destruir as instituições e o estado de direito. Igualzinho o que Fidel fez à Cuba e Mao à China; e o que queriam os grupos armados como o PCdoB, o MR8 e ALN durante o regime militar no Brasil. E o mais incrível - e perigoso - é que em pleno século XXI ainda existem pessoas e partidos levantando essa bandeira, mesmo travestida de idéias democráticas e humanitárias. Vide Heloisa Helena, a "Antônia Conselheira" da seita PSOL.

Se hoje em dia, Lamarca, por exemplo, é visto como herói, é mais uma das distorções presentes no país que vivemos.

4 comments:

Marcelo said...

Pois é. O futuro(?) deste paiseco é sinistro; o esquerdismo sociopata e demagogo parece que se enraiza cada vez mais no cérebro(?)dos bostileiros. É muito atraso pra um país(?) só!

Eduardo Davis said...

Prezado,

você é mais um que caiu no conto do texto espalhado de modo viral.

Lenin NUNCA escreveu isso.

É mais um hoax que pega muita gente que acredita antes de criticar - que aceita coisas como fato antes de verificar. Impressionante como as pessoas são manipuláveis.

The Xavier said...

É provevel que o camarada Eduardo acredite em charlatães como Karl Marx e num monte de baboseiras como o Capital.

A melhor resposta para o esquedismo é deixar o esquerdopata falar, pois toda a teoria de esquerda é baseada APENAS em repetições e zero em fatos.

E nós é que somos manipuláveis?

Eduardo Davis said...

eheheeh... não sou camarada nem companheiro...

Só tenho um pouco de bom senso e critico tudo que leio antes de acreditar ser verdade. Ainda mais esse tipo de bobagem que chega por e-mail. Ser radicalmente contra alguma coisa deixa a pessoa cega, acreditando no primeiro pega-otário que aparece.

Sim. Quem acredita que textos mal feitos, atribuídos a pessoas que não o escreveram, que são espalhados de forma viral na internet, e os passam pra frente como fatos, são manipuláveis.

Não interessa se a atribuição falsa do texto tenha sido feita a Lenin, Verissimo, Hitler, Bush ou Zé do Caixão. Verifique antes. Critique.

Veja bem, não estou querendo lhe agredir de forma alguma. Só gostaria de mostrar que esse tipo de coisa é comum hoje em dia. As pessoas acreditam nas coisas que são jogadas pra elas... seja no Jornal Nacional, num jornal popular que custa R$0,25, em um panfleto, em um depoimento de CPI, em um discurso, no horário politico ou num texto pela internet.

Critique antes de acreditar. Minha mensagem ou dica pra você é apenas essa.

Um abraço!